Judô gaúchoNa maior seletiva nacional sub-18, o judô gaúcho teve quatro atletas entre os três melhores em suas respectivas categorias. Realizado em Canoas, o evento abriu a temporada de classificações à Seleção Brasileira da categoria, que representará o país em torneios internacionais em 2020.

Dentre os judocas dos 14 clubes gaúchos que participaram, Henrique Gusmão foi o destaque. O judoca do peso ligeiro do GN União ficou em primeiro lugar na disputa, largando na frente por um lugar na Seleção.

Além dele, o judô gaúcho teve quatro “medalhistas”: João Vitor Alves (60kg/Sogipa), Vitor da Silva Fagundes (+90kg/GN União) terminaram em segundo, enquanto Marcelo Casanova (90kg/Recreio) e Enya Pires (+70kg/Bilhar) foram terceiro lugar.

Felipe Gusmão (55kg/GN União), Thainá Soares (44kg/GN União), Natália Borba (52kg/Sogipa), Laura Pereira (63kg/Sogipa), Júlia Ramos (70kg/GN União) não chegaram a conquistar o “pódio”, mas terminaram a seletiva entre os sete melhores em suas categorias.

Terminada na véspera do Dia Mundial do Judô, a Seletiva adiantou as comemorações, que neste ano têm foco no meio ambiente. Vinte sementes de Embaúba foram plantadas, por jovens judocas e também pelos atletas da Seleção Brasileira Natália Brígida, Pombo e Daniel Cargnin.

A CBJ também produziu e distribuiu lápis com sementes que podem ser plantados quando não for mais possível apontá-los.

Foto: Jackson Ciceri / Sogipa
Fonte: Federação Gaúcha de Judô

Siga nossas redes sociais: Facebook – Instagram – Twitter

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário